lundi 31 août 2015

Domingologia (15)

A TUA SOLIDÃO ARREPIA-ME


Nas tardes de domingo bebo gin barato
(é o que a sede consente ao mais fraco)

Noutro quintal sou um homem mais velho:
ainda em pijama desço as escadas já sem luz

e trato dum jardim magro e decrépito
a memória de Deus E a morte morre

Was Du wirklich liebst, das bleibt Dir
O inefável é no sono do mundo que o degustamos


Carlos Leite, O Desflashar dos Espaços,
Lisboa, Black Sun, 1987

Aucun commentaire:

Enregistrer un commentaire