mercredi 27 août 2014

MARGARIDA FERRA


NOME COMUM: JASMIM-DOS-POETAS


Percorria ao anoitecer os jardins
da cidade à procura das flores
oficiais - sobem amparadas
e perfumam com a memória
do chá as ruas irregulares.
Levava uma tesoura de unhas,
insuficiente e desnecessária porque
não colhia nada que fosse vivo.
Restavam-lhe frases livres,
páginas dobradas, cadeiras desiguais
e os pratos vazios deixados
aos gatos.

O primeiro poema encontrei-o
numa dessas buscas
debaixo da árvore maior,
no ferro que sustenta a copa,
preso com uma mola de roupa.


- in Curso Intensivo de Jardinagem,
com capa de Luís Henriques, Lisboa: & etc, 2010




dimanche 17 août 2014

Domingologia (12)


E tu, meu amor, não digas
o que se passa comigo.
Deixa o trânsito passar
com paciência e esse ar
de quem passeia ao domingo
e me ouve assobiar.


RUY CINATTI

RUY CINATTI - poemas inéditos em livro




CORPO SANTO - uma antologia de folhas volantes,
sel. e pref. de Manuel de Freitas,
capa de Inês Dias e arranjo gráfico de Inês Mateus,
Lisboa: Averno, 2014

vendredi 8 août 2014

JORGE AGUIAR OLIVEIRA


RAIVA SURDA


um pó metálico
é o que há para engolir
além da dança azul
nas tuas palavras
quando falas de derrotas

porto de abrigo
é um umbigo indígena
ofuscando a luz da sombra
viagem genuína sem lupa
nem telescópio

uma veia do pescoço cortada
outra no pulso dança
até se tornar
                    o lodo do deserto

se queres matar
                         fá-lo aqui
no rodapé desta página 
há bichos esfomeados


in Manicómio,
Coimbra, DSO, 2014

mardi 29 juillet 2014

Paralelo W #7




Rui Pires Cabral, Oh! Lusitania,
Lisboa: Paralelo W, 2014
[150 exemplares]

Paralelo W #6



Gil de Carvalho, Amazonas e Cia,
com arranjo gráfico de Inês Mateus,
Lisboa, Paralelo W, 2014
[Tiragem de 150 exemplares, numerados e assinados]